FBI invade escritório de advogado que fez declaração de impostos de Trump

© AFP 2022 / Mandel NganFBI
FBI - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Agentes federais supostamente invadiram o escritório de um advogado que já realizou trabalhos fiscais para o presidente dos EUA, Donald Trump.

Agentes federais apareceram sem avisar no escritório do presidente do Comitê Municipal de Finanças, Ed Burke, cobriram as janelas e os pisos com papel pardo e ordenaram que todos saíssem, informou o Chicago Sun-Times.

Presidente dos EUA, Donald Trump, e seu homólogo russo, Vladimir Putin, durante a reunião em Helsinque, Finlândia - Sputnik Brasil
Rússia quer receber ajuda econômica dos Estados Unidos, garante Trump
Cerca de 15 agentes chegaram à prefeitura na manhã de quinta-feira, trazendo suas próprias caixas. Alguns, então, atravessaram a rua em direção ao estacionamento subterrâneo no Daley Center para encontrar o carro de Burke, mas não ele não estava lá.

Os agentes passaram aproximadamente meio dia no escritório de Burke, saindo com a caixa de arquivos, um computador e dois monitores de computador.

Um porta-voz do gabinete do procurador dos EUA se recusou a comentar sobre a operação quando contatado pelo Sun-Times. Burke emitiu um comunicado ontem à tarde sobre o ataque.

“Como vocês sabem, houve anteriormente várias outras investigações como essa. Em todos os casos, nós cooperamos plenamente. E em todos os casos nada foi encontrado”, disse Burke, de acordo com o Chicago Sun-Times. "Então mais uma vez estaremos cooperando plenamente e estou completamente confiante de que no final do dia nada será encontrado neste caso também."

Former FBI Director Robert Mueller, the special counsel probing Russian interference in the 2016 election, departs Capitol Hill following a closed door meeting in Washington. (File) - Sputnik Brasil
Casa Branca nega que Trump vá demitir Robert Mueller, que investiga 'conluio' com a Rússia
O escritório de advocacia de Burke, Klafter & Burke, trabalhou com as empresas de Trump repetidamente para reduzir a carga tributária sobre a Trump Tower e suas outras propriedades em Chicago, de acordo com o Sun-Times. Ao longo de seus 12 anos trabalhando para Trump, Burke supostamente foi capaz de reduzir os impostos sobre a propriedade na torre do centro em mais de US $ 14 milhões, segundo o jornal.

Burke deixou de trabalhar para Trump neste verão, citando “diferenças irreconciliáveis” em cartas arquivadas no Conselho de Apelação do Imposto sobre a Propriedade do Estado de Illinois.

O ataque ocorreu quando o ex-advogado pessoal de Trump, Michael Cohen, entrou em um acordo para cooperar com a investigação do advogado especial Robert Mueller sobre a suposta interferência da Rússia nas eleições de 2016 e conluio com a equipe de Trump.

Trump negou repetidamente todas as alegações, submetendo respostas escritas a uma lista de perguntas de Mueller na semana passada. Moscou também negou consistentemente todas essas alegações.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала