- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Messi volta a marcar e aumenta perseguição a recorde histórico de Pelé

© AP Photo / Daniel Ochoa de OlzaO Barcelona, do craque Messi, está apoiando os refugiados na Europa.
O Barcelona, do craque Messi, está apoiando os refugiados na Europa. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O craque argentino Lionel Messi ganhou uma série de prêmios de futebol e conquistou uma infinidade de troféus durante sua carreira estelar, mas o superastro do Barcelona deu mais um passo em frente para superar outro grande recorde de todos os tempos no último final de semana.

Messi marcou 2 vezes na derrota do Barcelona por 4 a 3 contra o Real Bétis e, no processo, superou a lenda alemã Gerd Muller e subiu para o segundo lugar na lista dos principais artilheiros de um único clube.

O duplo de Messi levou sua carreira para o Barça para 566, quando ele superou "Der Bomber", que havia encontrado 565 gols pelo Bayern de Munique em 15 anos com os gigantes da Bundesliga.

France's Kylian Mbappe, left, comforts Argentina's Lionel Messi after France's 4:3 victory in the World Cup Round of 16 soccer match between France and Argentina, at the Kazan Arena, in Kazan, Russia, June 30, 2018 - Sputnik Brasil
Mbappé iguala recorde de Pelé e recebe parabéns do próprio Rei

O único homem deixado para Messi para pegar na lista de todos os tempos é a lenda brasileira Pelé.

Edson Arantes do Nascimento jogou 18 temporadas no Santos, marcando impressionantes 643 gols pelo clube, uma marca considerada por muitos como insuperável na era moderna.

Mas Messi tem uma média de mais de 50 gols por temporada nos últimos 8 anos e, com o argentino agora a apenas 77 gols da marca do brasileiro, parece que apenas uma grande queda em sua forma na frente do gol impedirá ele de pegar e passar o recorde de Pelé dentro das próximas temporadas.

O único outro jogador ativo a figurar na lista dos 10 melhores de todos os tempos é o antigo rival de Messi, Cristiano Ronaldo, que deixou o Real Madrid para a Juventus no verão, depois de marcar 450 gols pelos madrilenos.

Assim, Messi aparece hoje como o único jogador atual com alguma chance de revisar a marca de Pelé. Para um jogador que continua deslumbrando no maior palco aos 31 anos, o recorde servirá apenas para cimentar ainda mais o nome de Messi no panteão dos grandes nomes do mundo.

Todos os goleadores da história do futebol por um único clube:

1. Pelé (Santos) — 643

2. Lionel Messi (Barcelona) — 566

3. Gerd Muller (Bayern de Munique) — 565

4. Eusébio (Benfica) — 473

5. Cristiano Ronaldo (Real Madrid) — 450

6. Ian Rush (Liverpool) — 349

7. Telmo Zarra (Athletic Bilbao) — 335

8. Giuseppe Meazza (Internazionale) — 288

9. Alessandro Del Piero (Juventus) — 287

10. Piet van Reenen (Ajax) — 273

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала