Fragata Admiral Makarov reforça grupo naval da Rússia no Mediterrâneo

Nos siga noTelegram
A fragata Admiral Makarov, pertencente à Frota do Mar Negro, passará a integrar o grupo de navios da Marinha russa que efetua missões no mar Mediterrâneo.

As informações foram recentemente divulgadas pelo chefe do Departamento de Informações da Frota do Mar Negro, capitão Aleksei Rulev.

Hoje, o navio saiu do porto de Sevastopol (Crimeia) e dirigiu-se para os Estreitos Turcos (dois estreitos no noroeste da Turquia que ligam o mar de Mármara ao braço egeu do mar Mediterrâneo, de um lado, e ao mar Negro, de outro).

De acordo com o capitão do navio russo, no decurso dos preparativos para a missão, a tripulação participou de vários treinamentos: praticou passagem e manobras em áreas de navegação intensa, efetuou tiros de artilharia contra alvos marítimos e aéreos e simulou a destruição de um alvo inimigo usando mísseis Kalibr-NK.

Navios da Marinha russa ensaiando a parada por ocasião do Dia da Marinha da Rússia. - Sputnik Brasil
Especialista militar: 'Marinha da Rússia sai para os oceanos'
A fragata Admiral Makarov é o terceiro navio do projeto 1135.6 construído para a Marinha da Rússia. Essas fragatas possuem um deslocamento de 4.000 toneladas e podem alcançar uma velocidade de 30 nós, ou seja, cerca de 56 km/h.

Para o combate de proximidade, a Admiral Makarov está equipada de um sistema de artilharia AK-190 com alcance de 21 km. Em combate antissubmarino, pode usar o lança-foguetes RBU-6000, bem como quatro lança-torpedos de 533 mm de calibre. Já para combater alvos aéreos, a fragata está equipada com o sistema de mísseis Shtil-1, com um alcance de até 50 km. Caso um avião ou míssil de cruzeiro se aproxime demasiado, a tripulação pode recorrer a dois sistemas antiaéreos AK-630M.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала