Assembleia Geral da ONU aprova resolução para suspender bloqueio dos EUA a Cuba

© REUTERS / Eduardo MunozA sede da Assembleia Geral da ONU, no bairro de Manhattan, em Nova York
A sede da Assembleia Geral da ONU, no bairro de Manhattan, em Nova York - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Assembleia Geral da ONU adotou nesta quinta-feira (1º) uma resolução para suspender o bloqueio a Cuba.

A Assembleia Geral das Nações Unidas votou nesta quinta-feira a favor da resolução para acabar com o embargo econômico e financeiro dos EUA imposto a Cuba. O anúncio foi feito pela presidente de Assembleia, Maria Fernanda Espinosa.

"O resultado da votação é o seguinte: 189 a favor, 2 contra, zero abstenções. O projeto de resolução foi, portanto, adotado", disse Espinosa.

Los familiares de los pasajeros que viajaban en el avión Boeing 737 que se estrelló en La Habana - Sputnik Brasil
Embargo dos EUA pode estar relacionado com queda de avião em Cuba
Anteriormente, o presidente cubano, Miguel Diaz-Canel, havia denunciado o embargo comercial dos EUA a Cuba durante seu discurso na Assembleia Geral da ONU.

A votação foi a 27ª tentativa da Assembleia Geral de acabar com o embargo americano contra Cuba, que está em vigor há mais de 55 anos.

Os Estados Unidos impuseram pela primeira vez um embargo de armas a Cuba em 1958, que foi seguido pela introdução de restrições em vários outros setores. O embargo inclui sanções sobre transações financeiras, comércio, viagens, entre outros setores. Cuba tem repetidamente apresentado suas resoluções às Nações Unidas pedindo que o embargo seja suspenso.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала