Saída de Merkel abre oportunidade para Alemanha, diz vice-chanceler da Áustria

© AP Photo / Ronald ZakHeinz-Christian Strache, líder do Partido da Liberdade da Áustria (arquivo)
Heinz-Christian Strache, líder do Partido da Liberdade da Áustria (arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A chanceler alemã Angela Merkel fez muito pelo seu país, mas agora é hora de a Alemanha mudar seu rumo político, disse nesta quarta-feira o vice-chanceler da Áustria, Heinz-Christian Strache, comentando a decisão de Merkel de deixar o cargo de líder do seu partido.

Na segunda-feira, Merkel afirmou que não participará do pleito pela liderança da União Democrata Cristã (CDU) em dezembro e deixará o cargo de chanceler federal em 2021.

Strache elogiou as atividades de Merkel no cargo de chanceler alemã, dizendo que algumas de suas conquistas também foram boas para a Áustria como parceira importante da Alemanha.

A chanceler alemã Angela Merkel participa de uma sessão plenária do parlamento alemão Bundestag em Berlim. - Sputnik Brasil
Aliados de Merkel sofrem perdas políticas em eleição na Baviera

"Sem dúvida, essa cultura irresponsável de aceitar e convidar [migrantes e refugiados] foi um erro grave que resultou em danos significativos. Tenho certeza de que chegou a hora das mudanças. Ela tomou uma decisão pessoal e disse que deixaria gradativamente a política", declarou Strache disse a repórteres após uma reunião do governo austríaco.

O anúncio da chanceler alemã aconteceu 1 dia depois que os conservadores de Merkel sofreram graves perdas nas eleições estaduais em Hesse, caindo 11 pontos percentuais desde 2013, para 27% dos votos.

A popularidade dos democratas cristãos tem caído em todas as pesquisas nacionais. O partido da CDU no estado sulista da Baviera, a União Social Cristã (CSU), também perdeu 10% dos votos nas eleições deste mês para o parlamento regional.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала