Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Márcio França vota em São Paulo e ironiza adversário tucano: 'De virada é mais gostoso'

© Foto / Governo do Estado de São PauloGovernador de São Paulo, Márcio França (PSB) - foto de arquivo
Governador de São Paulo, Márcio França (PSB) - foto de arquivo - Sputnik Brasil
Nos siga no
Buscando a reeleição, o governador de São Paulo, Márcio França votou hoje em uma escola na zona sul da cidade. Ecoando os resultados das pesquisas Ibope e Datafolha, o PSBista se disse confiante na vitória e ironizou o adversário João Doria (PSDB): "de virada é sempre mais gostoso".

Levantamentos divulgados ontem animaram o comitê de campanha de França. Ele, que apareceu tecnicamente empatado mas numericamente abaixo de Doria ao longo de toda a campanha, despontou pela primeira vez. No Datafolha, registrou 51% dos votos válidos contra 49% do tucano. No Ibope, ambos os candidatos aparecem rigorosamente com 50% dos votos válidos cada.

João Doria posa ao lado da logomarca da Prefeitura de São Paulo - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
São Paulo: Doria apoia Bolsonaro e França declara neutralidade no segundo turno
Acompanhado da esposa e de assessores de campanha, França atribuiu a guinada ao debate realizado na Globo no dia 25. Ele criticou a estratégia tucana de colar a imagem do governador ao PT — "a mentira tem perna curta e o feitiço vira contra o feiticeiro", afirmou — ele se disse confiante na vitória e evitou falar das eleições presidenciais:

"Tenho relação com ambos [Bolsonaro e Haddad], são relações superficiais. Não tenho relação com nenhum dos dois que permita ter um voto. Votei 40 para mudar São Paulo, 40 para poder dar estabilidade ao Brasil, 40 pela verdade", disse, citado pelo Estadão.

O partido de França, o PSB, saiu fortalecido nas eleições de 2018: levou ainda no primeiro turno os governos de Pernambuco, Paraíba e Espírito Santo e disputa em outros quatro estados o segundo turno. Caso saia reeleito em São Paulo, Márcio França é visto pelos quadros internos da legenda como possível nome de liderança no partido, já mirando 2022.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала