Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Roscosmos acelera preparação para novo foguete de lançamento para a EEI

© NASA . Joel KowskyNave espacial Soyuz MS-05 na posição vertical na plataforma de lançamento no Cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão, na quarta-feira, 26 de julho de 2017. O engenheiro de voo da Expedição 52, Sergei Ryazanskiy, da Roscosmos, o engenheiro de voo Randy Bresnik da NASA e o engenheiro de vôo Paolo Nespoli da ESA (Agência Espacial Europeia), estão programados para lançar para a Estação Espacial Internacional de bordo da nave espacial Soyuz do Cosmódromo de Baikonur em 28 de julho.
Nave espacial Soyuz MS-05 na posição vertical na plataforma de lançamento no Cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão, na quarta-feira, 26 de julho de 2017. O engenheiro de voo da Expedição 52, Sergei Ryazanskiy, da Roscosmos, o engenheiro de voo Randy Bresnik da NASA e o engenheiro de vôo Paolo Nespoli da ESA (Agência Espacial Europeia), estão programados  para lançar para a Estação Espacial Internacional de bordo da nave espacial Soyuz do Cosmódromo de Baikonur em 28 de julho. - Sputnik Brasil
Nos siga no
A Roscosmos anunciou nesta sexta-feira (12) que planeja acelerar a preparação de um novo veículo de lançamento para a Soyuz para tomar uma decisão sobre o cronograma de novos lançamentos o mais rápido possível.

Na quinta-feira (11), houve um acidente durante o lançamento de um veículo de lançamento Soyuz-FG que transportava a nave espacial Soyuz MS-10 com dois novos tripulantes da Estação Espacial Internacional (EEI) a bordo.

Lançamento do Soyuz-FG do cosmódromo de Baikonur, Cazaquistão, em 11 de outubro de 2018 - Sputnik Brasil
Roscosmos indica possível causa do acidente durante lançamento da nave Soyuz
O cosmonauta russo Alexey Ovchinin e o astronauta da NASA, Nick Hague, retornaram em segurança à Terra em uma cápsula após ejetarem da espaçonave. Os lançamentos de foguetes de transporte da família Soyuz foram suspensos devido ao acidente.

"A decisão sobre o cronograma será tomada imediatamente após a permissão para a continuação da operação dos veículos de lançamento desta família [da Soyuz]", afirmou a Roscosmos.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала