Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

'Caminhos da morte': conheça as 10 trilhas mais perigosas do mundo

Nos siga no
Trilhar é sempre uma boa opção para combinar esporte e adrenalina: para ver as paisagens pitorescas às vezes é preciso tomar coragem e caminhar à beira de um abismo com uma parede de rocha do outro lado.

Confira as imagens das 10 trilhas mais fascinantes e mais perigosas no mundo.

© Depositphotos / UTBPOs Penhascos de Moher, no condado de Clare, são uma das principais atrações da Irlanda, oferecendo vistas incríveis para apreciar andando de bicicleta.
Os Penhascos de Moher, no condado de Clare, são uma das principais atrações da Irlanda, oferecendo vistas incríveis para apreciar andando de bicicleta. - Sputnik Brasil
1/10
Os Penhascos de Moher, no condado de Clare, são uma das principais atrações da Irlanda, oferecendo vistas incríveis para apreciar andando de bicicleta.
© Sputnik / Anton Podgayko / Abrir o banco de imagensO monte Elbrus (5.642 m) é a montanha mais alta da Rússia e da Europa e escalá-la representa um grande desafio.
O monte Elbrus (5.642 m) é a montanha mais alta da Rússia e da Europa e escalá-la representa um grande desafio. - Sputnik Brasil
2/10
O monte Elbrus (5.642 m) é a montanha mais alta da Rússia e da Europa e escalá-la representa um grande desafio.
© AFP 2021 / Jorge GuerreroO Caminito del Rey, na província espanhola de Málaga, é uma trilha de cerca de 3 km de extensão suspensa a 100 m de altura sobre o rio Guadalhorce. O percurso foi fechado em 2000 após a morte de três alpinistas e reaberto em 2015 após sua restauração, virando uma atração turística.
O Caminito del Rey, na província espanhola de Málaga, é uma trilha de cerca de 3 km de extensão suspensa a 100 m de altura sobre o rio Guadalhorce. O percurso foi fechado em 2000 após a morte de três alpinistas e reaberto em 2015 após sua restauração, virando uma atração turística. - Sputnik Brasil
3/10
O Caminito del Rey, na província espanhola de Málaga, é uma trilha de cerca de 3 km de extensão suspensa a 100 m de altura sobre o rio Guadalhorce. O percurso foi fechado em 2000 após a morte de três alpinistas e reaberto em 2015 após sua restauração, virando uma atração turística.
© Depositphotos / SunsingerO vulcão Pacaya na Guatemala continua em ação e é um dos mais ativos no mundo, ficando a uma altura de 2.552 m. No fim da trilha, os visitantes costumam assar marshmellows sobre lava ardente.
O vulcão Pacaya na Guatemala continua em ação e é um dos mais ativos no mundo, ficando a uma altura de 2.552 m. No fim da trilha, os visitantes costumam assar marshmellows sobre lava ardente. - Sputnik Brasil
4/10
O vulcão Pacaya na Guatemala continua em ação e é um dos mais ativos no mundo, ficando a uma altura de 2.552 m. No fim da trilha, os visitantes costumam assar marshmellows sobre lava ardente.
CC BY-SA 3.0 / Bjørn Christian Tørrissen / Todra Gorge Morning (Cropped photo)As chamadas Gargantas de Todra são um desfiladeiro no Marrocos com paredes que chegam a 200 m de altura.
As chamadas Gargantas de Todra são um desfiladeiro no Marrocos com paredes que chegam a 200 m de altura. - Sputnik Brasil
5/10
As chamadas Gargantas de Todra são um desfiladeiro no Marrocos com paredes que chegam a 200 m de altura.
CC BY 4.0 / Kasimys / The Manpupuner rock formations (Cropped photo)As formações rochosas de Manpupuner são um conjunto de 7 pilares de pedra que ficam na república de Komi, na Rússia. O lugar fica longe da zona habitada e pode ser atingido a pé apenas por turistas bem preparados.
As formações rochosas de Manpupuner são um conjunto de 7 pilares de pedra que ficam na república de Komi, na Rússia. O lugar fica longe da zona habitada e pode ser atingido a pé apenas por turistas bem preparados. - Sputnik Brasil
6/10
As formações rochosas de Manpupuner são um conjunto de 7 pilares de pedra que ficam na república de Komi, na Rússia. O lugar fica longe da zona habitada e pode ser atingido a pé apenas por turistas bem preparados.
CC BY-SA 3.0 / Martin St-Amant / Machu Picchu (Cropped photo)A montanha de Huayna Picchu, no Peru, oferece uma trilha para contemplar de cima (mais de 360 m) o famoso santuário de Machu Picchu.
A montanha de Huayna Picchu, no Peru, oferece uma trilha para contemplar de cima (mais de 360 m) o famoso santuário de Machu Picchu. - Sputnik Brasil
7/10
A montanha de Huayna Picchu, no Peru, oferece uma trilha para contemplar de cima (mais de 360 m) o famoso santuário de Machu Picchu.
CC BY 2.0 / Snowpeak / Canyonlands by snowpeak (Cropped photo)O chamado labirinto do Parque Nacional de Canyonlands é um verdadeiro desafio para visitantes com caminhos sem saída em meio de formações rochosas.
O chamado labirinto do Parque Nacional de Canyonlands é um verdadeiro desafio para visitantes com caminhos sem saída em meio de formações rochosas. - Sputnik Brasil
8/10
O chamado labirinto do Parque Nacional de Canyonlands é um verdadeiro desafio para visitantes com caminhos sem saída em meio de formações rochosas.
© Depositphotos / MaciejBledowskiO caminho no monte Hua, na China, é considerado um dos mais assustadores do mundo com seus trilhos íngremes nas rochas.
O caminho no monte Hua, na China, é considerado um dos mais assustadores do mundo com seus trilhos íngremes nas rochas. - Sputnik Brasil
9/10
O caminho no monte Hua, na China, é considerado um dos mais assustadores do mundo com seus trilhos íngremes nas rochas.
CC BY-SA 2.0 / Colin Souza / West Highland Way (Cropped photo)A trilha pela cordilheira de Aonach Eagach, na Escócia, tem mais de 6 quilômetros e mostra uma das mais belas paisagens do país.
A trilha pela cordilheira de Aonach Eagach, na Escócia, tem mais de 6 quilômetros e mostra uma das mais belas paisagens do país. - Sputnik Brasil
10/10
A trilha pela cordilheira de Aonach Eagach, na Escócia, tem mais de 6 quilômetros e mostra uma das mais belas paisagens do país.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала