Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Che 'liderava pelo exemplo', diz ex-companheiro de revolução

© Foto / Cortesía de la Embajada de la República de Cuba en RusiaErnesto "Che" Guevara
Ernesto Che Guevara - Sputnik Brasil
Nos siga no
O guerrilheiro argentino-cubano Ernesto "Che" Guevara era um líder que pregava pelo exemplo. A afirmação é do antigo companheiro de armas Thomas Escandon, que lutou com Che na guerrilha no Congo em meados dos anos 60.

"O que mais me impressionou na personalidade de Che como um chefe foi que ele liderava pelo exemplo. Ele não exigia qualquer coisa que ele mesmo não fosse capaz de fazer, e também a sua cultura e paixão ao longo da vida para aprender e se superar", disse o ex-guerrilheiro agora com 75 anos.

Escandón relembra que tinha 22 anos quando foi técnico de comunicações do grupo de Che no Congo. 

"Embora muitas pessoas falam sobre o caráter de Che, eu sempre lembro dele como uma pessoa reta e exigente, mas cordial e amigável. Ele estava interessado em cada detalhe, incluindo os detalhes técnicos de nossos aspectos na tarefa de comunicação", disse ele.

O antigo companheiro de armas diz que Che organizou aulas de francês e swahili (uma língua africana falada nos territórios da Tanzânia e do Quênia) para os combatentes cubanos.

Sede da empresa Google - Sputnik Brasil
O que Cuba pode ganhar e perder com entrada do Google no país?
Che (1928-1967), tornou-se um ícone dos movimentos revolucionários e progressistas do mundo. Sua fama veio com sua participação na Revolução Cubana ao lado de Fidel Castro. 

Em 24 de março de 1965, liderando uma equipe de 14 combatentes cubanos, Che desembarcou no lago Tanganyika, na Tanzânia. A partir dali o grupo seguiu para fazer contato com os guerrilheiros chefiados pelos líderes congoleses Laurent Kabila e Gaston Soumaliot.

Após sete meses de operações e participação em mais de 50 atos de guerra, o contingente foi retirado como resultado das diferenças ideológicas e estratégicas com os líderes africanos.

Che, então, partiu para a Bolívia para iniciar um foco revolucionário. Ele terminou morto em uma ação que contou a participação da CIA, dos Estados Unidos. 

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала