Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Independência do dólar: economista indica principal objetivo do petro venezuelano

Nos siga no
Em 1º de outubro, a criptomoeda venezuelana, o petro, entrou oficialmente em circulação como moeda internacional de câmbio. Isso permitirá à Venezuela abrir caminho a uma economia de produção independente do dólar americano, afirmou o economista Vladimir Adrianza à Spuntik Mundo.

"A ideia é que isso permita trazer bens de capital ao país, em outras palavras, maquinaria, tecnologia que permita a produção local de maior quantidade de coisas possíveis", disse.

Criptomoneda venezolana Petro - Sputnik Brasil
Depois do ouro, agora é o petro que vai salvar economia venezuelana?
O economista da Universidade Central da Venezuela afirmou que a medida é um instrumento alternativo para que o país busque outros caminhos que não sejam dependentes do dólar.

O líder venezuelano, Nicolás Maduro, anunciou na segunda-feira (1º) a abertura do blockchain da criptomoeda, no âmbito do início das operações internacionais de petro como moeda internacional.

"Estamos ativando o plano nacional integral de criptoativos da Venezuela, que tem uma perspectiva de 10 anos em seu desenvolvimento e que permitirá que nossa criptomoeda se desenvolva e ocupe um espaço muito importante no que será um desenvolvimento comercial e monetário do nosso país, da nossa região com o resto do mundo", apontou o presidente.

Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, apresenta a criptomoeda petro - Sputnik Brasil
Todo o petróleo venezuelano deve ser vendido em petro, avisa Maduro
Segundo o professor, essa nova etapa monetária permitirá ao país latino-americano superar as dificuldades intercambiais e comerciais, por ser uma "moeda que não pode ser bloqueada", e que logo estará à venda em bolívares (moeda local).

Os venezuelanos poderão realizar transações internacionais mediante o esquema de conversão estabelecido, o que acabará ajudando a situação econômica do país. Vale ressaltar que o petro, sustentando em reservas de petróleo, será também apoiado por ouro, diamantes, ferro e alumínio, lembra Adrianza.

O petro foi anunciado no fim de 2017 como um plano do Governo para contornar as sanções impostas pelas EUA à indústria petrolífera da Venezuela, a principal do país.

Criptomoeda venezuelana Petro (imagem ilustrativa) - Sputnik Brasil
Criptomoeda venezuelana petro entrará em vigor em 1º de outubro
O economista adiciona que a criptomoeda é capaz de romper esse cerco financeiro, pois considera que não passará pelos canais que a banca internacional controla.

Para o Governo venezuelano, o país se tornará o epicentro de uma nova história monetária da América Latina e do mundo.

Em março deste ano, o líder norte-americano emitiu um decreto que proibia qualquer empresa de seu país de realizar transações nesta moeda, ou qualquer outro meio similar, criado pela Venezuela.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала