Ataque de mísseis iranianos na Síria elimina 40 militantes do Daesh

© AFP 2022 / Arash Khamoushi / ISNAExercícios de sistemas de mísseis Fateh, Irã (foto de arquivo)
Exercícios de sistemas de mísseis Fateh, Irã (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Cerca de 40 militantes do grupo terrorista Daesh morreram durante um ataque de mísseis do Irã contra alvos na Síria, informou a imprensa iraniana nesta terça-feira.

As forças armadas iranianas atacaram os organizadores do recente ataque terrorista em Ahvaz, na margem leste do rio Eufrates, na Síria, com mísseis balísticos na segunda-feira, informou a Agência de Notícias da República Islâmica (IRNA), citando o general da Força Aerospacial da Guarda Revolucionária Iraniana, Amir Ali Hajizadeh.

Benjamin Netanyahu, premiê de Israel - Sputnik Brasil
Netanyahu: tentativa do Irã de associar Israel ao ataque terrorista em Ahvaz é ridícula
O ataque com mísseis foi seguido por ataques de vários drones militares contra as posições dos terroristas, acrescentou o comandante.

Os corpos dos terroristas ainda estão sob escombros, então o número exato de baixas não é conhecido, acrescentou ele.

O general disse que a área da operação era controlada pela coalizão liderada pelos EUA, então era impossível usar drones de reconhecimento, porque o lado americano poderia avisar os terroristas para que eles pudessem deixar a área.

Em 22 de setembro, homens armados abriram fogo em um desfile militar em Ahvaz, matando cerca de 30 pessoas e ferindo outras 60. O ataque terrorista teria sido assumido pelo Movimento Democrático Árabe Patriótico, ligado à Arábia Saudita. Teerã, por sua vez, culpou os patrocinadores regionais do terrorismo, apoiados pelos Estados Unidos.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала