UE criará mecanismo legal que permitirá fazer negócios com o Irã mesmo com sanções dos EUA

© REUTERS / Francois LenoirEuropean Union foreign policy chief Federica Mogherini
European Union foreign policy chief Federica Mogherini - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A União Europeia estabelecerá um mecanismo legal que permitirá a realização de transferências financeiras com o Irã, evitando sanções americanas, anunciou a chefe da diplomacia europeia, Federica Mogherini.

De esquerda para direita: a vice-presidente da Argentina, Gabriela Michetti, o presidente argentino, Mauricio Macri, e a mulher dele, Juliana Awada, em 10 de dezembro de 2015, dia da sua posse - Sputnik Brasil
Crise para quem? Patrimônio de Macri aumenta quase 21% em 1 ano
A diplomata leu junto com o ministro das Relações Exteriores do Irã, Mohamad Yavad Zarif, uma declaração conjunta aprovada pelos participantes do Plano de Ação Integral Conjunto (PAIC) no final de sua reunião ministerial realizada à margem da Assembleia Geral da ONU.

Os participantes da reunião, relatou Mogherini, reafirmaram a necessidade de continuar as exportações iranianas de petróleo e gás, e "saudaram as propostas táticas de apoiar e manter os canais de pagamento e, em particular, a iniciativa de criar um mecanismo especial que facilite pagamentos ligados às exportações do Irã, incluindo as exportações de petróleo, e suas importações ".

"Os países membros da UE vão criar uma entidade legal para realizar transações financeiras com o Irã, o que permitirá que as empresas europeias trabalhem com o Irã, em conformidade com a legislação europeia, que também estará disponível para os outros participantes do PAIC", disse.

O chefe da diplomacia da UE salientou que a decisão de criar este mecanismo já foi aprovada.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала