Dezenas de manifestantes contra reforma da Previdência são detidos em São Petersburgo

© Sputnik / Vitaly Timkiv / Abrir o banco de imagensPoliciais durante o protesto não sancionado contra a reforma da Previdência na cidade russa de Krasnosdar
Policiais durante o protesto não sancionado contra a reforma da Previdência na cidade russa de Krasnosdar - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Pelo menos 80 pessoas foram detidas durante protestos contra a reforma da Previdência em São Petersburgo neste sábado (9), comunica a mídia russa.

De acordo com várias fontes, entre mil e duas mil pessoas se reuniram em São Petersburgo no âmbito de protestos contra a reforma da Previdência que estão decorrendo neste dia 9 de setembro em dezenas de cidades russas, no mesmo dia em que decorrem as eleições municipais e regionais.

Russos protestando contra reforma de Previdência em Moscou - Sputnik Brasil
2 mil saem às ruas de Moscou protestando contra reforma da Previdência (FOTO, VÍDEO)
Segundo diz a mídia local, durante o protesto na segunda cidade mais populosa da Rússia, ao menos 80 pessoas foram detidas pela polícia. Outras edições apontam para um número entre 50 e 100. Algumas edições relatam sobre detenções em Moscou, mas por enquanto não há dados sobre o número de detidos.

O protesto em São Petersburgo, tal como em outras cidades, não foi sancionado pelas autoridades. O opositor Aleksei Navalny, que tem convocado os protestos, foi detido no fim de agosto e não está participando da ação.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала