Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

'Grave erro humanitário': citando Rússia e Irã, Trump pede que Síria não ataque Idlib

© Sputnik / Aleksei Vitvitsky / Abrir o banco de imagensPresidente dos EUA Donald Trump durante a cúpula da OTAN em Bruxelas
Presidente dos EUA Donald Trump durante a cúpula da OTAN em Bruxelas - Sputnik Brasil
Nos siga no
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pediu ao governo sírio, assim como à Rússia e ao Irã, que evitem uma possível ofensiva do exército sírio na província de Idlib, considerada um reduto de rebeldes na Síria.

"O presidente Bashar al-Assad, da Síria, não deve atacar imprudentemente a província de Idlib. Os russos e iranianos estariam cometendo um grave erro humanitário para participar dessa potencial tragédia humana. Centenas de milhares de pessoas poderiam ser mortas. Não permitam que isso aconteça", escreveu Trump sua página no Twitter na segunda-feira (3).

Drone israelense Skylark I (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Defesa aérea síria derruba drones de Israel a oeste de Damasco
A província de Idlib é uma das zonas de redução de conflitos na Síria, porém ainda é um reduto de remanescentes da insurgência no país.

A situação na província recentemente piorou após Moscou e Damasco terem sugerido que os militantes estão planejando forjar um ataque químico contra civis para culpar o governo sírio.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала