Novo governo do Paquistão promete buscar paz com Índia e Afeganistão

© AP Photo / CHANNI ANANDA SCO ratificou na sexta-feira (10) uma resolução sobre o início dos procedimentos de expansão do grupo, abrindo a possibilidade de adesão plena da Índia e do Paquistão ao bloco
A SCO ratificou na sexta-feira (10) uma resolução sobre o início dos procedimentos de expansão do grupo, abrindo a possibilidade de adesão plena da Índia e do Paquistão ao bloco - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O recém-nomeado ministro das Relações Exteriores do Paquistão, Shah Mehmood Qureshi, manifestou a intenção de rever a política externa do país, bem como de buscar paz com a Índia e o Afeganistão.

A política externa do Paquistão será revisada tendo em vista o interesse nacional do país como prioridade máxima, trazendo mudanças perceptíveis na vida das pessoas comuns por meio da diplomacia econômica, disse Shah Mehmood Qureshi, recém-nomeado ministro das Relações Exteriores do Paquistão durante uma coletiva de imprensa.

"Algumas forças tentam isolar o nosso país, mas isso não acontecerá agora", disse Shah Mahmood Qureshi.

Imran Khan em discurso anti-governista realizado em Islamabad em 2014. - Sputnik Brasil
Novo primeiro-ministro do Paquistão revela qual é o principal problema do país
Sobre a retomada das conversações formais com a Índia, o novo ministro afirmou que um "diálogo ininterrupto" com a Índia é o "único caminho sábio", pois os dois países não podem arcar com o preço da inconsequência.

O primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, também escreveu uma carta ao recém-nomeado primeiro-ministro paquistanês, Imran Khan, expressando o compromisso da Índia de construir boas relações de vizinhança entre os dois países e buscar engajamento significativo e construtivo para o benefício do povo da região.

A posição oficial da Índia é de que o país está pronto para um diálogo sobre todas as questões se o Paquistão parar de apoiar o terrorismo nas fronteiras ente os vizinhos.

"Vimos a declaração do Ministro das Relações Exteriores paquistanês e não há nada de novo nela. Nossa posição é de que queremos paz com o Paquistão, mas o terror e as negociações não podem andar juntos. O Paquistão deve parar o terrorismo nas fronteiras e levar os autores do atentado de 26/11 [atentados de 26 de novembro de 2008 em Bombaim] à justiça", disseram fontes no ministério das Relações Exteriores da Índia à Sputnik.

Afeganistão

Ao falar sobre o Afeganistão, Shah Mahmood Qureshi disse que visitará Cabul com uma mensagem sólida de que ambos os países compartilham o mesmo destino.

"Não haverá paz no Paquistão sem a paz no Afeganistão. Quero dizer às pessoas do Afeganistão que entendam os problemas umas das outras e que tentem resolver bilateralmente todas as questões", disse Qureshi aos jornalistas.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала