2 suspeitos são detidos em Ancara após tiros contra embaixada dos EUA

Nos siga noTelegram
No início do dia, uma pessoa não identificada realizou disparos contra a embaixada dos EUA em Ancara, supostamente atingindo a cabine da segurança do prédio.

A polícia turca deteve dois suspeitos que podem ter ligação com os disparos contra a embaixada americana em Ancara, informou a agência Anadolu, acrescentando que a polícia também conseguiu encontrar um veículo que foi usado no incidente.

Embaixada dos EUA em Ancara, na Turquia - Sputnik Brasil
Embaixada dos EUA na Turquia é atingida por tiros (VÍDEO)
O ataque foi realizado por dois homens, com idades entre 38 e 39 anos, relatou a NTV. A polícia encontrou uma arma que eles teriam usado para atacar a embaixada.

As autoridades turcas condenaram o ataque, que classificaram de tentativa de "semear o caos".

O tiroteio ocorreu em meio às tensões nas relações entre os EUA e a Turquia, provocadas pela prisão do pastor norte-americano Andrew Brunson, detido na Turquia em 2016 por supostos laços com o movimento do clérigo islâmico Fethullah Gulen, que a Turquia responsabiliza por orquestrar um fracassado golpe militar ocorrido no mesmo ano.

À medida que as relações bilaterais entre os dois países pioram, os Estados Unidos já congelaram os bens de dois ministros turcos por seu papel na prisão de Brunson e de outros abusos contra direitos humanos.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала