'EUA precisam de nova abordagem para lidar com Rússia', diz embaixador norte-americano

O embaixador da Rússia nos EUA, à época ministro da Defesa da Rússia, Anatoly Antonov, fala em um briefing no Ministério da Defesa em Moscou (foto de arquivo)
O embaixador da Rússia nos EUA, à época ministro da Defesa da Rússia, Anatoly Antonov, fala em um briefing no Ministério da Defesa em Moscou (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O embaixador dos EUA no Paquistão, David Hale, durante audiência de confirmação do Senado sobre sua nomeação como vice-secretário de Estado para assuntos políticos, disse que os Estados Unidos precisam de uma estratégia complexa para a Rússia.

O vice-secretário argumentou que a linha razoável para os EUA deveria incluir uma condenação publica do comportamento de Moscou ao mesmo tempo em que deve manter discussões privadas com autoridades russas.

Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, durante coletiva de imprensa com seu homólogo russo, Vladimir Putin - Sputnik Brasil
Pompeo reitera que EUA querem melhorar relações com a Rússia
“No geral, acho importante adotar uma abordagem multifacetada para a Rússia. Eles são um país muito difícil de lidar. Seu comportamento em muitas áreas é inaceitável”, disse Hale. 

“Acho importante que denunciemos essas transgressões quando elas ocorrerem publicamente. Acho importante que tenhamos um diálogo franco para expressar, em termos muito diretos, o que consideramos objetável ou acreditamos que precisa ser mudado”, destacou.

O vice-subsecretário indicado acrescentou que apoia as sanções específicas contra a Rússia.

"As sanções direcionadas que considero serão altamente eficazes para garantir que continuemos a aumentar os custos para esse tipo de comportamento", afirmou Hale.

Desde 2014, as relações entre a Rússia e os Estados Unidos se deterioraram em meio à crise da Ucrânia. Washington introduziu várias rodadas de sanções anti-russas após a reunificação da Crimeia com a Rússia e o suposto envolvimento de Moscou no conflito da Ucrânia. A Rússia refutou todas as acusações e tomou restrições econômicas de retaliação.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала