Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Crocodilos confinados na fronteira Israel-Jordânia podem causar 'incidente internacional'

CC0 / Pixabay / Crocodilo
Crocodilo - Sputnik Brasil
Nos siga no
Centenas de crocodilos foram transferidas para o Vale do Jordão, região fronteiriça que separa Israel e Cisjordânia da Jordânia, há cerca de 20 anos com o propósito de servir como atração turística no assentamento de Petzael, segundo relatou o Sky News.

No entanto, o plano foi abandonado devido ao conflito entre israelenses e palestinos. 

Jovem alimenta aligátor - Sputnik Brasil
Amigo de dentes afiados: jovem corajosa oferece petiscos a enorme crocodilo
Durante o transcorrer desses vinte anos, os répteis ficaram confinados em uma fazenda e a população cresceu rapidamente. Agora as autoridades temem que aconteça um "incidente internacional" se os crocodilos escaparem para o rio Jordão. 

A situação despertou no empresário Gadi Biton a ideia de abater os crocodilos com a finalidade de vender a pele. Mas parece que o plano deu errado – Israel aprovou uma lei que protege os crocodilos e proíbe o comércio da sua carne e pele. Assim, os répteis permanecem presos e a cada dia que passa as preocupações quanto à quantidade de crocodilos só aumentam. 

"Encontramos centenas de crocodilos nesta fazenda e ninguém sabe o que fazer com eles […] Eu não quero pensar no que acontecerá se um crocodilo conseguir escapar e alcançar o rio Jordão, e então teremos um incidente internacional", disse David Elhayani, diretor do Conselho Regional do Vale do Jordão. 

Por enquanto, um funcionário da fazenda alimenta os crocodilos todos os dias com galinhas mortas.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала