Especialista comenta lançamento de aparelho voador hipersônico na China

© AP Photo / Wu Dengfeng Lançamento de míssil na China (arquivo)
Lançamento de míssil na China (arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Academia Chinesa de Aerodinâmica Aeroespacial anunciou sobre os testes bem-sucedidos do aparelho voador hipersônico chinês Xingkong-2 (Céu Estrelado).

O aparelho permaneceu no ar durante 10 minutos, realizando uma série de manobras à altura de 30 quilômetros e aterrissou na área previamente determinada.

Bombardeiro estratégico chinês H-6 (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
China teria testado seu análogo do míssil hipersônico russo Kinzhal
Igor Korotchenko, diretor do Centro de Análise do Comércio Mundial de Armas, comentou para a Sputnik o lançamento do aparelho voador hipersônico chinês Xingkong-2 (Céu Estrelado), declarando que o país aparentemente teria efetuando testes de um seu protótipo do bloco de combate hipersônico com grande capacidade de manobra e capaz de portar ogivas nucleares.

Na Rússia tal equipamento já foi realizado sob forma do novo sistema de mísseis Avangard, lembrou o especialista.

"À medida do que é possível julgar, estão decorrendo testes do protótipo chinês de um bloco de combate hipersônico com grande capacidade de manobra e capaz de portar ogivas nucleares. Dessa forma a China tenta repetir, com base em suas próprias tecnologias, as tecnologias do sistema de mísseis Avangard já elaboradas na Rússia", destacou.

Lançamento do famoso míssil Avangard, apresentado em 1º de março deste ano pelo presidente russo, Vladimir Putin - Sputnik Brasil
Novíssimo míssil russo Avangard 'reduz a zero' capacidades de defesa adversária
Para ele, a China planeja criar seu próprio sistema de armas estratégicas usando tecnologias nacionais para garantir sua invulnerabilidade no processo de transporte das munições até ao território dos EUA em caso do possível início de um conflito militar.

Segundo Igor Korotchenko, a China está aperfeiçoando continuamente suas capacidades na esfera das tecnologias hipersônicas para dar uma resposta à instalação do sistema global de defesa antimísseis pelos EUA, incluindo seu segmento asiático.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала