'Moto presidencial' de Putin está de olho no mercado externo

© Foto / Kalashnikov MediaMotocicleta Izh, desenvolvida pela empresa Kalashnikov do projeto Kortezh
Motocicleta Izh, desenvolvida pela empresa Kalashnikov do projeto Kortezh - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A motocicleta do projeto de veículos presidenciais Kortezh também será lançada no mercado estrangeiro, declarou à Sputnik o diretor-geral do consórcio Rostec, Serguei Chemezov.

"Prevemos estrear a moto deste tipo no mercado sob a marca Izh, conhecida desde a época da URSS", explicou o diretor, agregando que agora a marca pertence ao consórcio Kalashnikov — subsidiária da Rostec.

Polícia russa em um estádio de futebol (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Polícia russa ganha novos 'Kalashnikov' para o Mundial e desta vez não são fuzis (FOTOS)
Precisamente a empresa Kalashnikov lida com a produção do veículo. Por enquanto, não está claro se a versão que será colocada à venda será uma cópia completa da versão presidencial.

No entanto, a versão de varejo terá pelo menos algumas soluções tecnológicas e de design que estão presentes na motocicleta presidencial Kortezh.

"Pretendemos vender esta moto tanto no mercado russo quanto no exterior. Para nós esses mercados são igualmente importantes", disse ele.

Além disso, adicionou que o preço da versão que será colocada à venda ainda não foi determinado. No estágio atual é muito cedo para falar sobre a produção em série desta motocicleta.

Anteriormente, o diretor da Rostec informou que a moto da classe Kortezh estará à venda a partir de 2019.

O veículo de combate não tripulado Soratnik (companheiro de luta em russo) - Sputnik Brasil
Kalashnikov testa seus robôs de combate (VÍDEO)
"Os testes ainda não foram concluídos, já apresentamos o protótipo e agora nosso objetivo é criar um produto verdadeiramente inovador e que cumpra todos os regulamentos de segurança", disse Chemezov.

Com um peso de 500 quilos, este veículo é capaz de atingir 250 km/h. Tem uma potência de 150 cavalos e pode acelerar de 0 a 100 km/h em 3,5 segundos.

O gerente já havia explicado que o projeto não será inferior a seus análogos estrangeiros, e inclusive vão superá-los.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала