Emboscada dos terroristas causa morte de 13 militares sírios na província de Damasco

© Sputnik / Michael AlaeddinSoldados sírios na província de Daraa
Soldados sírios na província de Daraa - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Os combatentes do Daesh (organização terrorista proibida na Rússia) organizaram uma emboscada perto do aeroporto da cidade de Al-Dumayr, causando a morte de três oficiais e outros dez militares do exército sírio, informou à Sputnik uma fonte no serviço da segurança sírio.

"O general de brigada Nadim Assad, responsável pela segurança da região de Al-Dumayr, e mais dois oficiais, bem como outros dez militares, foram mortos e outros cinco ficaram feridos na sequência de uma emboscada organizada pelos terroristas do Daesh ao leste do aeroporto de Al-Dumayr na província de Damasco", disse o interlocutor da agência.

Soldados sírios na província de Daraa - Sputnik Brasil
Exército sírio descobre na província de Daraa esconderijos de bombas produzidas em Israel
Segundo a fonte, o ataque inesperado foi realizado durante uma inspeção à região de Tel Dakva.

"Os terroristas vieram do deserto ao leste de Al-Dumayr", acrescentou a fonte.

O incidente ocorreu um dia depois de as forças governamentais terem libertado dos terroristas as últimas povoações na província de Daraa, finalizando a libertação da região.

A ofensiva militar nas regiões parcialmente controladas por vários grupos militantes foi lançada pelas forças sírias em junho, depois de a capital do país e várias outras cidades terem sido bombardeadas por militantes locais, apesar do cessar-fogo alcançado com a ajuda do Centro Russo de Reconciliação.

Embora uma parte considerável dos combatentes das forças antigovernamentais tenha sido evacuada do país, vários grupos jihadistas continuam lutando contra as forças do governo.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала