Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Rússia pede explicações aos EUA sobre prisão de suposta agente russa

© Facebook / Maria ButinaEstudante russa Maria Butina, presa nos Estados Unidos por suspeitas de espionagem
Estudante russa Maria Butina, presa nos Estados Unidos por suspeitas de espionagem - Sputnik Brasil
Nos siga no
A Embaixada da Rússia nos Estados Unidos pediu nesta quinta-feira explicações oficiais sobre a detenção da cidadã russa Maria Butina, em poder das autoridades norte-americanas desde o início da semana sob a acusação de trabalhar como agente de inteligência do governo russo nos EUA.

"Como resultado dos esforços feitos, foi alcançada uma reunião consular com Maria Butina na prisão de Washington", informou a missão diplomática russa nos EUA, explicando que, "apesar do stress e pressão psicológica", a jovem se sente normal, sem reclamações quanto à saúde. "Nós pedimos oficialmente uma explicação das autoridades dos EUA sobre a prisão de nossa cidadã", acrescentou a Embaixada. 

Cidadã russa Maria Butina, presa nos Estados Unidos em 15 de julho de 2018 sob suspeita de espionagem - Sputnik Brasil
'Ela não fez nada de errado', diz advogado de suposta espiã russa presa nos EUA

Estudante e ativista pelo direito ao posse de arma, Butina foi detida nos Estados Unidos no último domingo, sendo acusada dois dias depois conspirar para atuar como agente estrangeiro sem se registrar como tal junto ao Departamento de Justiça norte-americano e agir materialmente como agente estrangeiro, crimes que poderiam lhe custar uma pena de até 15 anos de prisão. Ela, no entanto, se diz inocente.

De acordo com as autoridades dos EUA, documentos judiciais apresentados no caso detalham os esforços de Maria Butina, que desenvolveu laços com cidadãos norte-americanos com interesses em comum, como os membros da National Rifle Association (NRA), para "infiltrar organizações com influência na política americana, com o propósito de promover os interesses da Federação da Rússia". Segundo o Departamento de Justiça americano, os arquivos também alegam que "ela realizou suas atividades sem divulgar oficialmente o fato de que estava atuando como agente do governo russo, conforme exigido por lei".

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала