Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

De Stalin até nossos dias: Damasco opta por morteiros soviéticos, segundo mídia (FOTO)

Nos siga no
O exército sírio utiliza morteiros rebocados de calibre 160 mm e 249 mm. Trata-se dos veículos soviéticos M-160 e M-240.

O M-160 foi adotado em serviço no exército soviético em 1949, o M-240 entrou no ano seguinte. Apesar de sua idade, a arma supera vários análogos estrangeiros modernos. Além disso, de acordo com Dmitry Lemeshko, da agência russa Vestnik Mordovii, são os morteiros mais potentes do mundo.

​Assim, um M-160 pode lançar um projétil de 41 kg a uma distância de 8 km. O M-240 estabeleceu um recorde: é capaz de usar munições com o peso de 130 e 228 kg a uma distância de cerca de 10 km. Além disso, pode utilizar uma mina reativa com o alcance de 20 km.

Caça russo MiG-29 (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Força Aérea Síria divulga FOTOS de seu caça mais potente
Enquanto a Rússia já se despediu dos morteiros M-160 e M-240, suas versões rebocadas continuam tendo demanda na Síria.

"Uma opção ainda mais eficaz é criar um exemplar com possibilidades de movimento independente, como foi feito nas armas autopropulsadas soviéticas, a última delas foi a 2A45M Sprut-B. Como resultado, teremos uma arma com maior mobilidade, capaz de fornecer suporte efetivo às tropas durante ações de combate em condições especiais", ressaltou Lemeshko.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала