Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

México: 520 políticos e funcionários públicos assassinados durante campanha eleitoral

© REUTERS / Marco UgarteLa sombre del presidente electo de México, Andrés Manuel López Obrador
La sombre del presidente electo de México, Andrés Manuel López Obrador - Sputnik Brasil
Nos siga no
Durante a campanha para as eleições gerais no México, 523 políticos foram assassinados, segundo um relatório elaborado pela empresa de análise de riscos Etellekt.

A empresa analisou o período entre 8 de setembro do ano passado e 1 de julho de 2018, o dia das eleições. No total, 152 políticos, inclusive 48 candidatos a diversos cargos, e 371 funcionários públicos de variados níveis foram mortos. 

Andrés Manuel López Obrador em campanha presidencial. - Sputnik Brasil
Andrés Manuel López Obrador é o novo presidente do México, indica pesquisa de boca de urna
Ou seja, a média de assassinatos de políticos e de funcionários públicos no país foi de 1,7 ao dia.

Já no dia 1 de julho, quando ocorreram as eleições, foram registrados 138 ataques e sete assassinatos de políticos nos 26 estados mexicanos.

O grande vencedor do pleito foi o candidato à presidência da esquerda, Andrés Manuel López Obrador. O político deve assumir o cargo no dia 1 de dezembro. Obrador pretende alterar as formas de combate à violência, que tomou conta do país no âmbito da "guerra contra as drogas". Segundo ele, o combate deve se dar no campo social, e não da segurança.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала