Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Haitianos cercam estadunidenses em hotel durante protesto contra aumento de combustíveis

© REUTERS / Andres Martinez CasaresManifestantes marcham em protesto contra o governo em Porto Príncipe (foto de arquivo).
Manifestantes marcham em protesto contra o governo em Porto Príncipe (foto de arquivo). - Sputnik Brasil
Nos siga no
Pelo menos 220 pessoas permanecem bloqueadas em um hotel na capital haitiana de Porto Príncipe, em meio a manifestações violentas contra o aumento do preço do combustível, informou a médica de emergência da HERO Client Rescue, Stacy Librandi Bourne.

Os protestos começaram nesta semana, depois que as autoridades locais anunciaram que os preços da gasolina subiriam 38%, enquanto o diesel seria reajustado em 47% e o querosene, em 51%.

Escritório da Oxfam em Londres, Inglaterra. - Sputnik Brasil
Após 7 anos, ONG publica relatório sobre escândalo sexual de seus funcionários no Haiti
Pelo menos três pessoas foram mortas durante as manifestações. Três voos saindo ou com destino aos Estados Unidos foram suspensos por questões de segurança.

Bourne disse à CNN que cerca de 120 cidadãos norte-americanos continuam bloqueados no hotel Oasis, em Porto Príncipe, depois que os manifestantes tentaram incendiar o local e passar pela segurança.

No sábado, o primeiro-ministro do Haiti, Jack Guy Lafontant, disse que o aumento do preço do combustível será interrompido temporariamente e pediu que os manifestantes se acalmem.

A CNN citou a embaixada dos EUA no Haiti e informou que nenhum cidadão dos EUA foi ferido em manifestações até o momento.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала