Análise da OPAQ encontra vestígios de cloro no ataque a Douma de abril

© AP Photo / Hassan AmmarLocal do suposto ataque químico na cidade síria de Douma
Local do suposto ataque químico na cidade síria de Douma - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Análises preliminares da agência de fiscalização de armas químicas descobriram que cloro foi usado no ataque de abril em Douma, na Síria. O incidente dezenas de civis e provocou ataques aéreos da Grã-Bretanha, França e Estados Unidos, segundo um relatório obtido pela agência de Reuters.

A Organização para a Proibição de Armas Químicas (OPAQ) enviou uma missão de investigação a Douma em meados de abril, aproximadamente uma semana após o ataque de 7 de abril no enclave perto de Damasco.

"Vários produtos químicos orgânicos clorados foram encontrados em amostras" de dois locais, segundo o relatório. Ele disse que não encontrou evidências de agentes nervosos.

O relatório, porém, destaca não ter encontrado nenhum traço de agentes nervosos nas amostras coletadas na cidade.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала