Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

OPEP anuncia aumento de produção de petróleo

© AFP 2021 / Karim SAHIBTrabalhador da refinaria de Dura, próximo a Bagdá, enche um barril de petróleo.
Trabalhador da refinaria de Dura, próximo a Bagdá, enche um barril de petróleo. - Sputnik Brasil
Nos siga no
Países da OPEP e produtores de petróleo que não são membros da organização disseram que concordaram em compartilhar o aumento da produção de petróleo, afirma a AP.

Na véspera, a OPEP anunciou que aumentaria a extração de petróleo, uma medida que ajudaria a conter o recente aumento nos preços globais de combustíveis.

A Rússia e outros países produtores disseram após a reunião deste sábado (23) com a OPEP, em sua sede em Viena, que vão apoiar um aumento de 1 milhão de barris por dia, informou à imprensa o ministro da Energia da Arábia Saudita, Khalid Al-Falih.

A OPEP disse em um comunicado que todos "decidiram que os países vão tentar aderir ao nível geral de conformidade, voluntariamente ajustado para 100%".

A declaração não esclareceu como o aumento na produção seria dividido entre os países da OPEP e aqueles que não são membros.

O presidente dos EUA, Donald Trump, comemorou a decisão da organização e afirmando que "espera que a produção suba substancialmente", pois os preços precisam permanecer baixos.

​O aumento é uma vitória política da Arábia Saudita sobre o Irã dentro da organização, que se colocava contra a medida. Tanto Riade quanto Moscou vinham advogando pela implementação do aumento da produção com o objetivo de aliviar os preços.

Petrobras bate recorde de produção em 2016 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Venda de refinarias da Petrobras prejudicará consumidor brasileiro, diz sindicalista
Apesar do anúncio, não seriam todos os países que teriam a capacidade de aumentar a produção, segundo teria afirmado o ministro do Petróleo da Nigéria, Emmanuel Ibe Kachikwu. Como o comunicado oficial não informa como esse aumento será alcançado, especula-se que os países com maior capacidade de produção possam compensar as lacunas deixadas pelos países com menores capacidade. O comunicado afirma que os países devem ter o compromisso de agirem em conjunto para que se alcance 100% do aumento estipulado.

O comunicado oficial liberado pela OPEP à imprensa não fala especificamente do número de barris aumentados da produção, informado pelo saudita Al-Falih, porém aponta o comprometimento da OPEP em devolver  a produção para os patamares acordados em 2016. 

O próximo encontro da organização está marcado para o dia 4 de dezembro de 2018.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала