Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

UE prepara retaliação para tarifas de importação dos EUA para carros

© AFP 2021 / DPA/ JAN WOITASEmpregados da BMW na fábrica em Leipzig
Empregados da BMW na fábrica em Leipzig - Sputnik Brasil
Nos siga no
A imposição de tarifas dos EUA sobre veículos e peças de automóveis da União Européia pode custar 300 bilhões de dólares para Europa e afetar quase todos os estados membros do bloco, informou Bloomberg nesta sexta-feira, citando o relatório da Comissão Européia.

De acordo com o relatório da CE, citado pela Bloomberg, "uma introdução das tarifas dos EUA seria cumprida com penalidades equivalentes impostas pelos parceiros comerciais afetados".

Na sexta-feira, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ameaçou a União Européia em um comunicado afirmando que os EUA introduziriam uma taxa de 20% sobre todos os carros importados da Europa, a menos que os direitos de importação e barreiras comerciais sejam removidos.

"Com base nas tarifas e nas barreiras comerciais colocadas aos EUA e às grandes empresas pela União Europeia, se essas tarifas e barreiras não forem logo quebradas e removidas, estaremos colocando uma tarifa de 20% em todos os seus carros vindo para os EUA. Fabrique aqui!", disse Trump no Twitter.

Container terminal in the port of Dalian, China - Sputnik Brasil
Olho por olho: Mundo responde às tarifas de Trump taxando produtos dos EUA
De acordo com a Associação Européia de Fabricantes de Automóveis, o comércio relacionado à indústria automobilística da UE e dos EUA representa quase 10% do comércio total entre as duas regiões. No entanto, os Estados Unidos supostamente são o principal destino das exportações de carros europeus em termos de volume e receita.

Enquanto isso, a União Européia quer que a ameaça de Donald Trump de um imposto de 25 por cento sobre as importações de automóveis da UE seja retirada, informou a mídia americana na quarta-feira. Particularmente, os principais fabricantes de automóveis da Alemanha estão propondo abandonar todas as tarifas de importação de carros vendidos entre os Estados membros da União Europeia e os Estados Unidos.

A medida significaria a eliminação do imposto de 10% da União Européia sobre as importações de automóveis dos Estados Unidos e de outros países e o imposto de 2,5% sobre as importações de automóveis nos Estados Unidos, informou o Wall Street Journal na quarta-feira.

Por sua vez, o relatório obtido pela Bloomberg enfatiza que uma tarifa de 20 por cento sobre veículos importados seria um cenário devastador para os grandes produtores de carros alemães, que supostamente sofreriam uma dramática perda financeira de mais de 4 bilhões de euros.

Enquanto isso, segundo a Bloomberg, a barreira comercial proposta também atingiria a economia dos EUA e poderia resultar em "mais de 180.000 empregos perdidos". Além disso, o impacto total poderia ser duplicado pelas contramedidas da UE.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала