Crianças palestinas fazem manifesto para que Messi não jogue amistoso contra Israel

© Sputnik / Grigory Sysoev / Abrir o banco de imagensCraque Lionel Messi durante uma partida amigável entre as seleções russa e argentina nas vésperas da Copa 2018, no estádio de Luzhniki, em 11 de novembro de 2017
Craque Lionel Messi durante uma partida amigável entre as seleções russa e argentina nas vésperas da Copa 2018, no estádio de Luzhniki, em 11 de novembro de 2017 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Cerca de 70 crianças palestinas assinaram uma mensagem ao atacante argentino Lionel Messi pedindo para que o ídolo não jogasse o amistoso marcado para este próximo sábado (9) contra a seleção de Israel, em Jerusalém.

"Disseram-nos que você vem jogar com os seus amigos em Al Malha, num estádio construído sobre a nossa aldeia", diz a carta, referindo-se ao estádio Teddy Kollec, localizado na parte ocidental de Jerusalém, onde será realizada a partida.

Craque Lionel Messi durante uma partida amigável entre as seleções russa e argentina nas vésperas da Copa 2018, no estádio de Luzhniki, em 11 de novembro de 2017 - Sputnik Brasil
Daesh ameaça Copa do Mundo FIFA 2018 com fotos de Messi decapitado
A mensagem foi entregue à representação diplomática da Argentina, na Cisjordânia, pelo presidente da Associação Palestina de Futebol (APF), Jibril Rajoub.

"Estimado Lionel Messi: Você é uma figura lendária do futebol com a qual todos sonhamos em ser iguais. Somos filhos de refugiados palestinos dos campos de refugiados de Qalandia, al Amari, Yalazón e Aida. Nossas famílias são originárias de Al Malha", diz o texto.

"É lógico que Messi, o herói, venha a jogar em um estádio construído sobre os túmulos dos nossos antepassados?", questionam no documento. "Nós, em nome de nossos amigos, oramos a Deus para que atenda nosso desejo de que Messi não parta nossos corações."

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала