Mais de 2,5 milhões já votaram na Venezuela

Nos siga noTelegram
O ministro da Comunicação e Informação da Venezuela, Jorge Rodríguez, informou durante coletiva de imprensa que 2,5 milhões de pessoas já votaram nas eleições presidenciais e legislativas e convidou mais pessoas a participar.

"Mais de 2,5 milhões de pessoas já passaram pelas máquinas de votação e escolheram seu candidato à presidência e seus candidatos aos conselhos legislativos", disse Rodriguez.

Trabalhadores pró-governo cantando no Dia dos Trabalhadores, Caracas, Venezuela - Sputnik Brasil
Eleições venezuelanas: continuidade ou dolarização?
Rodríguez acrescentou que "aqueles irmãos e irmãs que passaram pelas máquinas de votação, obrigado". "Votaram para suas filhas, seus filhos. Votarama para o futuro de paz que merecemos todos e cada um", acrescentou.

O ministro também convidou os que ainda não votaram a "votar pela Venezuela".

Por outro lado, representantes do partido Frente Ampla, que faz parte da coalizão de oposição — Mesa da Unidade Democrática — afirmou aos jornalistas que a participação das eleições está baixa. Segundo os opositores, a populção atendeu ao seu chamado para não votar, pois sentem falte de transparência no processo.

Ao comentar essas declarações, Rodríguez disse que a Frente Ampla se excluiu do processo e classificou o partido de "fantasma político".

O ministro da Comunicação disse que, em sua opinião, haverá uma "boa participação", pois 2,5 milhões já votaram somente três horas após a abertura das urnas.

Este domingo, mais de 20 milhões de eleitores venezuelanos foram chamados a votar nas eleições presidenciais e legislativas.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала