Terrorista de Paris de origem chechena era monitorado pela inteligência francesa

© AP Photo / Thibault CamusPolícia francesa na avenida Champs Elysees, Paris, logo após tiroteio que matou um policial em 20 de abril de 2017
Polícia francesa na avenida Champs Elysees, Paris, logo após tiroteio que matou um policial em 20 de abril de 2017 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Uma pessoa morreu e quatro ficaram feridas em um ataque com faca no centro de Paris.

As fontes da emissora Europe 1 afirmaram que o agressor, que esfaqueou várias pessoas em Paris no final do sábado, era um cidadão francês nascido em 1997 na Chechênia, Rússia.

Militantes de Daesh - Sputnik Brasil
Daesh assume responsabilidade por ataque em Paris
De acordo com o portal de notícias France Info, seu nome era Khamzat Azimov, que se tornou-se cidadão francês em 2010. O terrorista não tinha documentos, no entanto, a polícia conseguiu identificar o homem usando suas impressões digitais.

No final do dia, a mídia informou que os serviços policiais franceses detiveram um amigo e os pais do suspeito.

A rádio RTL informou, citando uma fonte judicial, que os pais do suspeito estão detidos para interrogatório pela polícia.

O ministro do Interior francês afirmou que uma vítima, um homem de 34 anos, foi operada, e as outras três estão fora de perigo.

Nesse ínterim, Europa 1 relatou que o agressor era conhecido pelos serviços policiais franceses como um defensor do terrorismo.

O suspeito foi supostamente morto a tiros pela polícia.

Separadamente, a mídia informou que o grupo terrorista Daesh assumiu a responsabilidade pelo ataque.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала