Irã afirma que não irá discutir nenhuma disposição do acordo nuclear

© Sputnik / Sergei Mamontov / Abrir o banco de imagensA Torre Azadi e bandeiras iranianas em Teerã
A Torre Azadi e bandeiras iranianas em Teerã - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Em resposta à saída dos EUA do acordo nuclear, o Irã afirmou que não pretende realizar nenhuma negociação sobre ponto algum do acordo nuclear alcançado em 2015.

"Nenhuma das disposições do Plano de Ação Conjunto Global (JCPOA, na sigla em inglês) e seu cronograma, que foi negociado por 12 anos, não serão discutidos de forma nenhuma", diz o comunicado publicado no site do governo iraniano.

Ministro de Relações Exteriores da Arábia Saudita, Adel al-Jubeir - Sputnik Brasil
Se o Irã adquirir a bomba nuclear, nós também a teremos, diz a Arábia Saudita
Na terça-feira (8), o presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou a saída dos EUA do Plano de Ação Conjunto Global (JCPOA, na sigla em inglês), intermediado pelas potências do P5 + 1 (China, França, Rússia, Reino Unido, EUA e Alemanha) em 2015.

Além disso, Trump prometeu voltar a introduzir todas as sanções que foram suspensas com o acordo.

O JCPOA, assinado em 2015 entre o Irã e Grupo 5+1 (EUA, Rússia, Reino Unido, França, Alemanha, China) e considerado histórico, limitou o programa nuclear de Teerã em troca do levantamento das sanções internacionais. Posteriormente, o presidente dos EUA criticou repetidamente o JCPOA, qualificando-o como o pior acordo da história dos EUA.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала