Putin defende veterano de seus guarda-costas (VÍDEO)

© Sputnik / Aleksei NikolskyPresidente russo, Vladimir Putin, na Parada da Vitória dedicada à comemoração do 73º aniversário da vitória sobre a Alemanha nazista
Presidente russo, Vladimir Putin, na Parada da Vitória dedicada à comemoração do 73º aniversário da vitória sobre a Alemanha nazista - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Após o fim da Parada da Vitória em Moscou, ocorreu um pequeno incidente. Quando Vladimir Putin estava indo da Praça Vermelha em direção ao Túmulo do Soldado Desconhecido para colocar flores, um veterano de guerra, que desceu das tribunas, quis aproximar-se do presidente.

Contudo, os funcionários do Serviço Federal de Guarda (FSO, na sigla em russo) tentaram o afastar. Putin reparou na situação e resolveu interferir. O presidente russo se aproximou do veterano, apertou sua mão e o convidou para fazer companhia junto a ele.

O porta-voz do presidente, Dmitry Peskov, já comentou sobre o acontecido, qualificando-o como um "caso não premeditado", acrescentando que o presidente já assinalou a importância de evitar tais situações no futuro.  

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала