Trump: abandonar acordo com Irã enviaria 'mensagem correta' para Coreia do Norte

© REUTERS / Mike TheilerPresidente dos EUA, Donald Trump, falando com jornalistas
Presidente dos EUA, Donald Trump, falando com jornalistas - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente dos EUA, Donald Trump, disse que abandonar o acordo nuclear com o Irã, o Plano de Ação Conjunta Integral (JCPOA), enviaria a mensagem certa para Pyongyang, na véspera da reunião do líder norte-americano com Kim Jong-un.

"Eu acho que isso envia a mensagem certa, então vamos ver o que acontece. Eu não vou dizer o que vou fazer [sobre o acordo com o Irã], mas no dia 12 [de maio], ou antes, tomarei uma decisão", afirmou Trump durante uma coletiva de imprensa na Casa Branca.

Benjamin Netanyahu - Sputnik Brasil
Israel acusa Irã de desenvolver armas nucleares apesar do acordo com potências globais
O Irã e o Grupo 5 + 1 (China, EUA, França, Reino Unido, Rússia e Alemanha), em conjunto com a União Europeia, assinaram o JCPOA em julho de 2015. O acordo estabelece limitações sobre o programa nuclear do Irã em troca de suspensão das sanções internacionais contra o país.

Em outubro de 2017, Trump recusou-se a certificar que Teerã cumpre a sua parte do acordo nuclear, mesmo apesar da confirmação da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), e ameaçou se retirar do acordo.

Em janeiro deste ano de 2018, os Estados Unidos, o Reino Unido, a França e a Alemanha estabeleceram um grupo de trabalho para preparar um anexo ao acordo nuclear.

A chefe da diplomacia europeia e uma das signatárias do acordo com o Irã, Federica Mogherini, por outro lado, descartou no dia 25 de abril a revisão do pacto nuclear.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала