Gazprom termina construção da primeira linha do gasoduto Turkish Stream

© Sputnik / Serguei Guneev / Abrir o banco de imagensTurkish Stream (Corrente Turca)
Turkish Stream (Corrente Turca) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O gigante energético russo Gazprom terminou a construção da primeira linha do gasoduto Turkish Stream (Corrente Turca), informou a empresa.

"Hoje, próximo da costa do mar Negro da Turquia terminou a construção do trecho submarino da primeira linha do gasoduto Turkish Stream", lê-se no comunicado.

Uma das usina da Gazprom, foto de arquivo - Sputnik Brasil
Ucrânia ameaça 'guerra total' com a Rússia se trânsito de gás for interrompido
O diretor da empresa, Aleksei Miller, sublinhou na mesma declaração que até agora "foram construídos 1.161 quilômetros do trecho submarino do gasoduto, o que constitui 62% de sua extensão".

A empresa informou que o navio Pioneering Spirit, que construiu o troço submarino da primeira linha, continuará trabalhando na construção da segunda linha.

Miller sublinhou que "a realização do projeto Turkish Stream continua com êxito".

"Sem dúvida, o Turkish Stream desempenha um papel importante no aumento da segurança energética da Turquia e da Europa", disse ele.

Unidade de separação de gás na estação de gasoduto - Sputnik Brasil
Embaixador: Gazprom russa pode firmar em breve acordo de exploração de gás na Argentina
Uma das linhas será usada para fornecer gás diretamente ao mercado turco e a outra para transportá-lo até à Europa através da Turquia.

O projeto Turkish Stream foi anunciado no final de 2014 pelo presidente russo, Vladimir Putin, durante uma visita oficial à Turquia. Em novembro de 2015, o projeto foi suspenso, depois que um avião russo Su-24 foi derrubado por um caça F-16 turco na Síria. As relações entre Moscou e Ancara foram retomadas em junho do ano passado, depois de um pedido de desculpas da Turquia à Rússia.

Em outubro de 2016, Moscou e Ancara assinaram um acordo intergovernamental sobre a construção das duas linhas submarinas do gasoduto Corrente Turca no Mar Negro. Estima-se que a capacidade anual total da infraestrutura alcance 31,5 bilhões de metros cúbicos de gás natural.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала