Tensão na Armênia: Crise deve ser resolvida por vias constitucionais, diz presidente

© Sputnik / Abrir o banco de imagensProtestos na capital armênia de Erevan contra a nomeação de Serzh Sargsyan como primeiro-ministro do país
Protestos na capital armênia de Erevan contra a nomeação de Serzh Sargsyan como primeiro-ministro do país - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A única maneira de resolver a atual crise política na Armênia é cumprir a Constituição do país, disse o presidente Armen Sarkissian neste domingo (29)

"Há apenas um caminho — constitucional, e não há mais nenhum que não seja esse […]. Nós temos que respeitar a Constituição", afirmou o presidente armênio, Sarkissian, em uma entrevista à emissora bielorrussa,TV Ontário, divulgada neste domingo (29).

Erevan, Armênia - Sputnik Brasil
Explosão deixa feridos na capital da Armênia
Seu comentário vem em meio à atual crise política na Armênia, que veio à tona ainda no início deste mês após o ex-presidente do país, Serzh Sargsyan, ter sido apontado como novo primeiro-ministro.

Essa nomeação foi vista pela oposição como uma tentativa de Sargsyan de manter o poder após seus dois mandatos presidenciais. Na segunda-feira (23), Sargsyan abriu mão do cargo e o primeiro vice-primeiro-ministro da Armênia, Karen Karapetyan assumiu a posição de primeiro-ministro em exercício.

Já neste domingo (29), o líder da oposição na Armênia, Nikol Pashinyan, disse que gostaria de ver eleições parlamentares em até dois meses. Ele também prometeu discutir uma data para o pleito com outras forças políticas no país.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала