Polêmica: guarda-costas de Osama Bin Laden vive de benefícios na Alemanha

© AP Photo / ArquivoOsama bin Laden
Osama bin Laden - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Um homem da Tunísia que supostamente já foi guarda-costas do terrorista saudita Osama Bin Laden está vivendo de benefícios na Alemanha, provocando grandes críticas de políticos anti-imigração.

A informação foi revelada após uma pergunta feita ao governo regional em Bochum, onde vive o homem de 42 anos, pela Alternativa para Alemanha (AfD). De acordo com uma reportagem do tablóide alemão Bild, Sami A., cuja identidade não pode ser revelada para proteger sua privacidade, coleta benefícios da ordem de 1.168 euros por mês para ele, sua esposa e três filhos.

Sami A. vive na Alemanha desde 1997. Durante um julgamento de terrorismo em 2005 na Alemanha, ele foi acusado de ser guarda-costas do líder da organização terrorista Al-Qaeda por vários meses em 2000.

Osama bin Laden falando com jornalista em Khost, Afeganistão (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Navy SEAL: governo dos EUA devia publicar fotos verdadeiras do corpo de Bin Laden

O tunisiano negou a acusação. No entanto, o juiz disse na época ele acreditava testemunho que sugeriu que ele era guarda-costas de Bin Laden. De acordo com a revista alemã Der Spiegel, as autoridades alemãs acreditam que Sami A. é um pregador perigoso, porém ele não pode ser deportado para sua Tunísia nativa por temer que ele seja torturado.

Devido a temores de segurança, Sami A. precisa se reportar diariamente à delegacia de polícia local, algo que ele faz todos os dias desde 2006.

A AfD foi rápida em aproveitar o escândalo, dizendo: "Que destino espera Sami A. na Tunísia não é o problema dos contribuintes alemães", e que "alimentar centenas de milhares de imigrantes ilegais, enquanto cada vez menos permanece para nosso povo não são aceitáveis ”.

O apoio ao partido anti-imigração aumentou acentuadamente na Alemanha nos últimos anos. A AfD entrou no Parlamento alemão pela primeira vez em sua história após a última eleição.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала