Imagens fortes ilustram dor e luto do Afeganistão marcado por atentado terrorista do Daesh

Nos siga noTelegram
O atentado terrorista perpetrado pelo Daesh (autodenominado Estado Islâmico) em Cabul, capital do Afeganistão deixou mais que 57 mortos e mais de 100 feridos, a maioria da corrente xiita hazará. Cenas fortes de dor e sofrimento de parentes e amigos dos mortos dão rosto a um dos atos mais violentos do grupo nos últimos meses.
© REUTERS / Mohammad IsmailUma mulher chora em um hospital após ataque suicida em Cabul.
Uma mulher chora em um hospital após  ataque suicida em Cabul. - Sputnik Brasil
1/9
Uma mulher chora em um hospital após ataque suicida em Cabul.
© REUTERS / Omar SobhaniUm homem choram enquanto outros tentam confortá-lo no local de um ataque suicida em Cabul.
Um homem choram enquanto outros tentam confortá-lo no local de um ataque suicida em Cabul. - Sputnik Brasil
2/9
Um homem choram enquanto outros tentam confortá-lo no local de um ataque suicida em Cabul.
© REUTERS / Mohammad IsmailParentes das vítimas lamentam em um hospital após um ataque suicida em Cabul.
Parentes das vítimas lamentam em um hospital após um ataque suicida em Cabul. - Sputnik Brasil
3/9
Parentes das vítimas lamentam em um hospital após um ataque suicida em Cabul.
© REUTERS / Mohammad IsmailUma mulher chora em um hospital depois de um ataque suicida em Cabul, no Afeganistão.
Uma mulher chora em um hospital depois de um ataque suicida em Cabul, no Afeganistão. - Sputnik Brasil
4/9
Uma mulher chora em um hospital depois de um ataque suicida em Cabul, no Afeganistão.
© REUTERS / Mohammad IsmailParentes das vítimas levam um homem ferido para fora de um hospital após um ataque suicida em Cabul.
Parentes das vítimas levam um homem ferido para fora de um hospital após um ataque suicida em Cabul. - Sputnik Brasil
5/9
Parentes das vítimas levam um homem ferido para fora de um hospital após um ataque suicida em Cabul.
© REUTERS / Mohammad IsmailParentes carregam um homem ferido do lado de fora de um hospital após um ataque suicida em Cabul.
Parentes carregam um homem ferido do lado de fora de um hospital após um ataque suicida em Cabul. - Sputnik Brasil
6/9
Parentes carregam um homem ferido do lado de fora de um hospital após um ataque suicida em Cabul.
© REUTERS / Mohammad IsmailUm homem em meio a cadáveres de um hospital depois de um ataque suicida em Cabul, no Afeganistão.
Um homem em meio a cadáveres de um hospital depois de um ataque suicida em Cabul, no Afeganistão. - Sputnik Brasil
7/9
Um homem em meio a cadáveres de um hospital depois de um ataque suicida em Cabul, no Afeganistão.
© REUTERS / Mohammad IsmailUm homem chora ao lado de uma menina ferida em um hospital depois de um ataque suicida em Cabul, no Afeganistão.
Um homem chora ao lado de uma menina ferida em um hospital depois de um ataque suicida em Cabul, no Afeganistão. - Sputnik Brasil
8/9
Um homem chora ao lado de uma menina ferida em um hospital depois de um ataque suicida em Cabul, no Afeganistão.
© REUTERS / Omar SobhaniHomens afegãos inspecionam o local de uma explosão suicida em Cabul.
Homens afegãos inspecionam o local de uma explosão suicida em Cabul. - Sputnik Brasil
9/9
Homens afegãos inspecionam o local de uma explosão suicida em Cabul.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала