EUA usam 'invenções e mentiras' como pretexto para atingir Síria, diz Damasco

© AFP 2022 / AMER ALMOHIBANY Fumaça provocada por ataques na região de Ghouta Oriental, nos arredores de Damasco (arquivo)
Fumaça provocada por ataques na região de Ghouta Oriental, nos arredores de Damasco (arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O ministro das Relações Exteriores sírio reagiu ao recente tweet de Donald Trump sobre "mísseis inteligentes", afirmando não se surpreender com escalação "imponderada" dos EUA em torno do alegado ataque químico em Douma, segundo a agência síria SANA.

"Não estamos surpreendidos com escalação tão imponderada de um regime como o dos Estados Unidos, que financiou e continua financiando o terrorismo na Síria", informou a SANA, citando fontes oficiais na chancelaria da Síria.

Presidente dos EUA, Donald Trump, discursa em Ohio, em 29 de março de 2018 - Sputnik Brasil
Trump prediz novo ataque contra Síria: 'Rússia, prepare-se'
Mais cedo, uma opinião semelhante foi expressa pelo representante permanente da Síria na ONU, Bashar Jaafari. Ele sublinhou que as ameaças dos Estados ocidentais de lançar um ataque contra a Síria não impedirão que o país preserve sua soberania e integridade territorial, estando a Síria preparada para enfrentar qualquer agressão de onde quer que venha.

"A representante dos EUA disse haver um único monstro hoje em dia que enfrenta todo o mundo, trata-se do monstro que tem armado e financiado terroristas por mais de sete anos na Síria, e eu afirmo que este monstro são os EUA, o Reino Unido e a França que patrocinaram o terrorismo na Síria e antes no Iraque, no Afeganistão e na Líbia", declarou Jaafari.

O diplomata afirmou que a Síria está disposta a receber especialistas da OPAQ (Organização para a Proibição de Armas Químicas), referindo-se ao suposto ataque químico na cidade síria de Douma.

No fim da semana passada, várias mídias, citando militantes sírios, acusaram o governo do país árabe de ter realizado um ataque químico com cloro em Douma.

Syrian government's head of delegation Bashar al-Jaafari attends a news conference after a meeting on Syria at the European headquarters of the United Nations in Geneva, Switzerland, April 18, 2016. - Sputnik Brasil
Não farão conosco o que fizeram com o Iraque e a Líbia, diz a Síria
O presidente norte-americano se juntou às acusações contra Damasco, prometendo dar uma resposta.

Nesta quarta-feira (11), o líder estadunidense publicou uma postagem provocativa no Twitter, avisando que a Rússia se prepare para um ataque com mísseis à Síria, afirmando que estes "estão chegando, bons, novos e 'inteligentes'!".

A postagem de Trump recebeu quase 22 mil comentários em uma hora, provocando críticas por parte de muitos usuários.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала