- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

STJ nega habeas corpus de Lula

© Roberto Parizotti /CutLula emocionado durante discurso
Lula emocionado durante discurso - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou o habeas corpus, nesta sexta-feira (6), solicitado pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para evitar a prisão decretada por Sérgio Moro.

A informação foi divulgada pelo advogado Sepúlveda Pertence, um dos advogados do ex-presidente. O pedido teria sido feito ainda hoje às 7h. A defesa de Lula contesta ofício do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) ao juiz Sergio Moro, de Curitiba, que permitiu o decreto da prisão.

Segundo a defesa, o prazo para entrega de um novo recurso na segunda instância ainda não havia se encerrado, o que aconteceria na próxima terça-feira (10), dia em que a defesa poderia apresentar novo recurso no STJ. Devido à vigência desses prazos os advogados de Lula dizem que o processo ainda corria e criticam a ordem de prisão. Segundo declarações da defesa do ex-presidente, o processo tem demonstrado agilidade "ímpar" do Judiciário, o que seria uma demonstração de constrangimento a Lula. A regra determinada pelo próprio TRF-4 aponta que a execução da pena só seria permitida após o fim da jurisdição da segunda instância.

Apoiantes de Lula se manifestam com cartazes dizendo Não à prisão de Lula, abaixo o golpe em São Bernardo do Campo em 5 de abril de 2018 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Lula não se entrega à Polícia Federal hoje
Na quinta-feira (5), o juiz Sergio Moro determinou a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, com ordens para que se apresentasse em Curitiba ainda nesta sexta-feira (6) até as 17h. A decisão foi emitida menos de 24h depois da negativa do Supremo Tribunal Federal (STF) acerca de um pedido de habeas corpus solicitado pela defesa de Lula.

Desde a noite de ontem protestos estão sendo realizados em todo o território nacional. Lula passou a noite no Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo do Campo, berço das mobilizações que originaram o Partido dos Trabalhadores (PT) nos anos 1980. Com ele, milhares de manifestantes permaneceram em vigília. Segundo o jornal Folha de São Paulo, Lula não pretende cumprir a ordem de se apresentar em Curitiba.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала