Quais são capacidades do novo míssil antibalístico russo?

© Sputnik / Ministério da Defesa da RússiaLançamento do míssil renovado A-135 do sistema de defesa antiaérea, no polígono cazaque de Sary-Shagan
Lançamento do míssil renovado A-135 do sistema de defesa antiaérea, no polígono cazaque de Sary-Shagan - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Ministério da Defesa testou com sucesso novo míssil antibalístico modernizado e equipado com o melhor equipamento do complexo de defesa russo, notou em entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik o especialista militar, Viktor Baranets.

Os militares russos testaram com sucesso um novo míssil modernizado do sistema de defesa antimíssil no polígono Sary-Shagan, no Cazaquistão, comunica o jornal oficial do Ministério da Defesa da Rússia, Krasnaya Zvezda (Estrela Vermelha). "O novo míssil antibalístico modernizado do sistema de defesa cumpriu com sucesso a tarefa e atingiu o alvo no tempo previsto", lê-se na edição.

Testes do míssil balístico intercontinental Sarmat, 29 de março de 2018 - Sputnik Brasil
Analistas: Sarmat russo possui características que tornam inútil defesa antimíssil
O sistema antimíssil é destinado a proteger Moscou de ataques aéreos e espaciais. Ele também alerta realização de ataque com míssil por forças inimigas e ajuda os militares russos a controlar o espaço.

O especialista militar Viktor Baranets, em entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik, notou que o novo míssil antibalístico vai substituir o 53Т6, cuja validade expira em breve.

"O míssil 53Т6 serviu à Pátria com boa fé, mas, por causa de sua 'idade avançada', os nossos construtores decidiram criar um míssil mais avançado com um novo motor e com o melhor equipamento do nosso setor de defesa russo. O casco do míssil é feito de aço muito resistente e combinado com materiais compósitos, já a velocidade de voo é de 4 km/s, superando, assim, as metas respectivas do seu antecessor", assinalou o analista.

Outro aspecto muito importante, para Baranets, é que o míssil pode suportar enormes pesos. Além disso, potencializou seu alcance, o que significa que os mísseis inimigos serão destruídos praticamente no espaço — a mais de 100 km de altitude.

"Acho que muito em breve este míssil entrará em serviço e substituirá o míssil 53Т6, que está se aposentando", concluiu Baranets.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала