Ferrovias e pontes europeias serão adaptadas para equipamento bélico da OTAN

© AP Photo / Mindaugas KulbisSoldados da OTAN no tanque alemão Leopard 2 participam dos exercícios da Aliança, Lituânia (foto de arquivo)
Soldados da OTAN no tanque alemão Leopard 2 participam dos exercícios da Aliança, Lituânia (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A União Europeia planeja facilitar a deslocação dos militares e do equipamento bélico entre os países integrantes, lê-se no Plano de Ação para a Mobilidade Militar, preparado pela Comissão Europeia.

Em 2017, a União Europeia avaliou a infraestrutura de transporte dos países do chamado Corredor ferroviário mar do Norte-Báltico (que inclui Lituânia, Letônia, Estônia, Bélgica, Alemanha, Holanda, Polônia e Finlândia). 

Os especialistas concluíram após análise, que vários tipos de equipamentos militares não são capazes de ser transportados por ferrovias e pontes dos países mencionados devido ao tamanho e peso do material bélico.

Tropas da Lituânia ao lado de outras forças de 11 países da OTAN, 2 de dezembro de 2016 - Sputnik Brasil
Mídia avalia capacidades de desdobramento rápido da OTAN em caso de guerra com Rússia
Em conexão a isso, até 2019 a União Europeia planeja verificar a utilidade de todas as pontes e vias férreas para descobrir se é possível o deslocamento do equipamento militar. Como resultado da análise, autoridades da aliança tomarão a decisão sobre necessidade de reconstruir a infraestrutura de algumas instalações, caso seja preciso.

Anteriormente, as autoridades dos EUA afirmaram estarem prontas para proteger os países bálticos da Rússia.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала