Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Rússia responderá à guerra comercial com EUA

© AFP 2021 / VASILY MAXIMOVProdução de aço na fábrica russa Vyksa Steel Works, região de Nizhny Novgorod, na Rússia, 2 de março de 2018
Produção de aço na fábrica russa Vyksa Steel Works, região de Nizhny Novgorod, na Rússia, 2 de março de 2018 - Sputnik Brasil
Nos siga no
O Ministério da Indústria e Comércio pretende limitar a importação de produtos norte-americanos para a Rússia em resposta à aplicação de tarifas sobre a importação de aço e alumínio por parte dos EUA.

"Provavelmente vamos preparar uma resposta a essas medidas. Restrições para os produtos americanos. Acredito que todos os países vão escolher esse caminho", disse Viktor Evtukhov, vice-chefe do Ministério.

Segundo ele, a proposta será encaminhada ao Ministério do Desenvolvimento Econômico da Rússia.

Presidente dos EUA, Donald Trump, em discurso em Nova York. 9 de novembro de 2016 - Sputnik Brasil
Tarifas de Trump devem atrapalhar produção energética dos EUA, diz senadora
Além disso, a Rússia pretende recorrer à Organização Mundial do Comércio (OMC). De acordo com Evtukhov, "é a primeira vez que um país-membro da OMC introduz tais tarifas sem discussão preliminar, somente por interesses de segurança nacional".

"Vamos preparar a nossa resposta, porque são nossas indústrias e nossas empresas que sofrem", acrescentou.

O presidente dos EUA Donald Trump anunciou previamente sua decisão de impor taxas de 25% e 10% sobre a importação de aço e alumínio respectivamente. As taxas entraram em vigor à meia-noite do dia 23 de março. Provisoriamente, as tarifas não serão cobradas a alguns países como Austrália, Argentina, Brasil, Canadá, México, Coreia do Sul e União Europeia até 1º de maio.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала