Congresso peruano aceita renúncia do presidente Kuczynski

© REUTERS / Peruvian Government PalaceEx-presidente do Peru acena para funcionários do Palácio do Governo após apresentar renúncia, em Lima, Peru.
Ex-presidente do Peru acena para funcionários do Palácio do Governo após apresentar renúncia, em Lima, Peru. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Congresso peruano aceitou, durante reunião plenária nesta sexta-feira (23) a renúncia do presidente Pedro Pablo Kuczynski.

Um total de 105 dos 130 congressistas peruanos votaram a favor de sua renúncia. O anúncio foi feito elo presidente do Congresso, Luis Galarreta.

Pedro Pablo Kuczynski - Sputnik Brasil
Presidente peruano renuncia
O vice-presidente Martin Vizcarra deve assumir ainda nesta sexta-feira (23) liderará o país até 2021, depois de ter feito o juramento presidencial.

O agora ex-presidente chegou a afirmar que recuaria da renúncia, esperando o processo de impeachment. 

O documento aprovado pelo Congresso, no entanto, "rejeita os fatos e qualificações que Pedro Pablo Kuczynski Godard expressa em sua carta de renúncia, já que não admite que a atual crise política que o levou a renúncia, já que não admite que a atual crise política que o levou a renunciar seja consequência de atos impróprios em que o presidente incorreu e que estão expostos de forma sustentável".

Kuczynski, de 79 anos, apresentou sua renúncia na quarta-feira (21) à luz do escândalo envolvendo o suposto suborno dos legisladores.

O partido de oposição, Poder Popular, afirmou anteriormente que as tentativas de subornar os legisladores foram feitas para impedir o impeachment de Kuczynski durante a votação de 22 de março no Congresso.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала