Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Venezuela inicia oferta pública da criptomoeda petro

© REUTERS / Marco BelloNicolás Maduro, presidente de Venezuela, durante el lanzamiento de la criptomoneda petro
Nicolás Maduro, presidente de Venezuela, durante el lanzamiento de la criptomoneda petro - Sputnik Brasil
Nos siga no
A Venezuela iniciou a IPO (oferta pública inicial) do petro na última quarta-feira (21), anunciou Hugbel Roa, ministro de Educação Universitária, Ciência e Tecnologia.

"Сomeçou a pré-venda do petro", escreveu em seu Twitter.

Um sistema progressivo de vendas está previsto e o plano é emitir 100 milhões de petros, dos quais 82,4 milhões estavam disponíveis para pré-venda entre 20 de fevereiro a 20 de março.

Logo de la nueva criptomoneda venezolana Petro - Sputnik Brasil
Estados Unidos proíbem movimentações financeiras com o petro, a criptomoeda venezuelana
Segundo a agência venezuelana de notícias AVN, a pré-venda da criptomoeda alcançou US$ 5 bilhões de dólares em 127 países em apenas um mês, inclusive com a participação da Rússia, EUA, Espanha, Coreia do Sul, Cuba, Japão, França e China.

Está disponível 44% dos 82,4 milhões de petros para a pré-venda privada e 38,4% para a oferta pública, enquanto 17,6% permanecerá na gestão da Venezuela.

A criptomoeda petro foi lançada em 20 de fevereiro na Venezuela. O presidente Nicolás Maduro anunciou que o volume de pré-vendas alcançou US$ 735 milhões de dólares. Portanto, a Venezuela tornou-se o primeiro país a ter sua própria criptomoeda garantida pelas reservas de petróleo.

Na última segunda-feira (19), o presidente norte-americano Donald Trump assinou um decreto proibindo cidadãos dos EUA a realizar qualquer tipo de transações com a criptomoeda venezuelana.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала