EUA realizam manobras de vigilância perto das fronteiras russas (FOTOS)

© Sputnik / Aleksei Malgavko / Abrir o banco de imagensCais de Lenin na cidade de Yalta, na Crimeia (imagem referencial)
Cais de Lenin na cidade de Yalta, na Crimeia (imagem referencial) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O drone de reconhecimento norte-americano RQ-4A Global Hawk realizou uma operação de vigilância ao longo do litoral da Crimeia, comunicou o serviço de monitoramento da aviação CivMilA em sua conta no Twitter.

O drone de reconhecimento, com o número tático de 10-2043, decolou da base aérea da Sicília e voou ao longo do litoral da Crimeia ocidental e oriental, de acordo com o portal.

​Na área da cidade de Sevastopol, o drone se aproximou do litoral a uma distância de 30 quilômetros, atingindo praticamente a linha da fronteira marítima. Na área da cidade de Alupka o veículo não tripulado se aproximou à distância de 34 quilômetros. 

​O drone voou também ao longo na linha de contato em Donbass, além disso, por várias vezes se aproximou a uma distância de 40 a 60 quilômetros de várias regiões russas que fazem fronteira com a Ucrânia. 

​Anteriormente, em fevereiro, perto da fronteira ocidental russa foi registrado um avião espião norte-americano realizando manobras de reconhecimento. Tratou-se do Boeing RC-135W com número de registro 62-4134, posicionado na base britânica de Mildenhall e utilizado pela Força Aérea dos EUA. A aeronave estava cumprindo uma missão nos países bálticos quando resolveu voar ao redor do enclave russo de Kaliningrado sem deixar o espaço aéreo da Polônia e da Lituânia.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала