França e União Europeia discutem resposta às tarifas de metais dos EUA

© REUTERS / Kevin LamarqueEmmanuel Macron e Donald Trump em Paris
Emmanuel Macron e Donald Trump em Paris - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A França lamenta a nova política dos EUA sobre tarifas de aço e alumínimo e discutirá uma resposta apropriada com seus parceiros da União Europeia (UE), disse o ministro da Fazenda francês, Bruno Le Maire, nesta quinta-feira (8).

Ele comentou a decisão do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de assinar um decreto que impõe taxas de 25% sobre as importações de aço e 10% de direitos sobre as importações de alumínio dentro dos próximos 15 dias.

O senador Aloysio Nunes preside sessão extraordinária para votar medidas provisórias - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
'Não se justificam': Brasil emite nota criticando novas tarifas de Trump
"A França lamenta os anúncios de Donald Trump sobre tarifas de aço e alumínio. Existem apenas perdedores em uma guerra comercial. Com nossos parceiros da UE, avaliaremos as conseqüências em nossas indústrias e concordaremos com uma resposta apropriada", disse Le Maire.

A diretora da política comercial da UE, Cecilia Malmstrom, pediu aos Estados Unidos que isentem o bloco das tarifas ou enfrentariam impostos sobre múltiplos produtos, como no caso da manteiga de amendoim.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала