'Falsidade e difamação': embaixada russa no Uruguai refuta ligação com tráfico

© AP Photo / Ministério de Segurança da ArgentinaCocaína apreendida na Embaixada da Rússia em Buenos Aires durante operação conjunta dos serviços de segurança russo e argentino
Cocaína apreendida na Embaixada da Rússia em Buenos Aires durante operação conjunta dos serviços de segurança russo e argentino - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A embaixada da Rússia no Uruguai refutou os rumores sobre o suposto envolvimento em tentativa denunciada de contrabando drogas da Argentina para a Rússia.

As informações foram publicadas pela assessoria de imprensa da embaixada, que as divulgou em um comunicado obtido pela Sputnik.
"Quaisquer alegações sobre uma lingação entre o caso de cocaína na Argentina e a Embaixada da Rússia no Uruguai são falsas e também difamações dos resultados da cooperação bem sucedida entre a Rússia e estados latino-americanos", afirmou o comunicado obtido pela Sputnik.

Cocaína, imagem referencial - Sputnik Brasil
'Escândalo da cocaína': chancelaria russa desmente principais rumores sobre o caso
O serviço de imprensa da embaixada apontou que a investigação sobre o caso estava sendo realizada por órgãos de aplicação da lei e só eles podem fornecer comentários oficiais sobre o assunto.

Em fevereiro, as forças de segurança da Rússia e da Argentina frustraram uma transferência de 389 quilos de cocaína para Moscou, como parte de uma operação conjunta que começou em 2016, quando a Embaixada da Rússia na Argentina encontrou vários sacos com cocaína em um de seus edifícios. 

No final de fevereiro, a mídia uruguaia informou que, de acordo com os serviços de segurança do país, as drogas poderiam ter tido origem uruguaia.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала