- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Desemprego e trabalho informal voltam a crescer no Brasil

© Rafael Neddermeyer / Fotos PúblicasCarteira de Trabalho e Previdência Social
Carteira de Trabalho e Previdência Social - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Brasil volta a ter aumento do desemprego. Índice que vinha em queda desde o início do ano passado aumentou no último trimestre.

É o que mostram os dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) por meio da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (Pnad) contínua.

A taxa de 12,2% aponta que 12,7 milhões brasileiros estão em busca de emprego neste momento. 

Michel Temer durante uma cerimônia dedicada ao Bolsa Família em 29 de junho de 2016 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Brasil: PIB sobe e inflação cai em 2018, segundo mercado
O índice divulgado é o trimestre móvel, ou seja, todo mês se atualiza somando-se aos dois anteriores. O resultado divulgado nesta quarta-feira (28) se refere aos meses de novembro e dezembro de 2017, além de janeiro de 2018.

Apesar da variação no índice de desemprego no Brasil, o IBGE declarou que o aumento é causado por um efeito sazonal, ou seja, temporário e esperado para a época do ano.

Desde janeiro do ano passado, o número de pessoas empregadas no país aumentou em 1,8 milhões de pessoas. No entanto, a informalidade é parte expressiva desse total. 

Dos postos de trabalho criados, apenas 317 mil poderiam ser considerados trabalhos formais. Ao menos 986 mil são de trabalhadores autônomos, 581 mil pessoas sem carteira assinada, 79 mil trabalhadores familiares auxiliares e mais 267 trabalhadores domésticos.

Na última terça-feira (30/06), a Câmara Municipal de São Paulo aprovou o Projeto de Lei de autoria do vereador Adílson Amadeu (PTB) que proíbe o uso de carros particulares cadastrados em aplicativos para o transporte remunerado de pessoas - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Regulamentação da Uber no Brasil gera debate nas redes
Quando comparado com o mesmo período do ano passado, houve um aumento de 500 mil postos de trabalho sem carteira assinada.

Para o IBGE, essa situação demonstra uma queda importante no contingente de trabalho com carteira assinada em relação ao mesmo período, em 2017. Hoje, o instituto estima que haja 33,3 milhões de empregos formais no país, o que aponta uma queda no emprego formal de 1,7% em relação ao ano anterior.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала