Características confirmadas: MiG-35 supera os testes de fábrica (VÍDEO)

© Sputnik / Yevgeny Odinokov / Abrir o banco de imagensCaça multifuncional russo MiG-35 durante apresentação no salão aéreo MAKS 2017
Caça multifuncional russo MiG-35 durante apresentação no salão aéreo MAKS 2017 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Em dezembro passado, o caça ligeiro russo MiG-35 terminou a etapa de testes da fábrica, comunicou a empresa fabricante RSK MIG. Os testes, solicitados pelo Ministério da Defesa da Rússia, confirmaram todas as características anunciadas do avião.

"Hoje em dia, o MiG-35 é uma aeronave de combate perfeita do ponto de vista da relação qualidade-preço, de suas capacidades, número de missões possíveis e de eficácia em cumpri-las, sendo adaptada para os conflitos de alta intensidade", assinalou o diretor-geral da RSK MIG, Ilya Tarasenko.

Grupo de caças russos MiG-31 nos céus de Moscou - Sputnik Brasil
Novo MiG-41 russo será capaz de 'caçar' mísseis hipersônicos
Os testes de fábrica abrangem todo o conjunto de ensaios e exames do equipamento radioeletrónico a bordo, do sistema de pontaria, do radar, dos motores e de todos os sistemas do avião.

Os testes demoraram quase um ano, de janeiro a dezembro de 2017, e contaram com a participação dos pilotos de testes da Força Aeroespacial russa.

"O avião é capaz de utilizar todo o conjunto de armamento russo e estrangeiro, tanto o atual como o futuro. Além disso, é capaz de transportar armas destinadas aos caças pesados", enfatizou o diretor da empresa fabricante.

Caça russo MiG-29 - Sputnik Brasil
Rússia equipa seus caças MiG com 'morte hipersônica'
O MiG-35 é um desenvolvimento das versões modernizadas da classe MiG-29- M e M2, que incorpora novos equipamentos a bordo, sistemas de designação de alvos e radares mais sofisticados, entre outras inovações. 

A demonstração global do caça foi realizada em julho de 2017, durante o salão aeroespacial MAKS-2017 em Moscou.

O novo avião deve substituir os caças ligeiros de modificações anteriores. 

Ademais, a empresa fabricante espera exportar a aeronave aos países que atualmente operam aviões MiG-29, e participar de concursos para o fornecimento de aviões de combate a diferentes partes do mundo.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала